quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Das mulheres portuguesas

As mulheres portuguesas trabalham que nem umas condenadas. Não me arrisco a dizer que são das europeias as que mais trabalham porque não tenho dados para isso, mas são, seguramente, das que mais trabalham.
Mesmo assim continuam a receber salários inferiores aos dos homens.
As mulheres portuguesas têm poucos ou nenhuns filhos. Aquelas que os têm têm-nos tarde.
A população está a envelhecer em toda a Europa, inclusive em Portugal.
Mesmo assim o governo é capaz de aprovar a decisão da TAP de não pagar subsídios àquelas que estiveram de licença de parto.
Das duas uma, ou não sabem o que andam a fazer, ou estão a contar com os filhos dos emigrantes brasileiros, e não só, para rejuvenescer a população.
E se se perguntarem porque é que estou a escrever isto a esta hora, ou como é que eu tomei conhecimento deste facto. É que acabei de tomar o pequeno-almoço e é esse o momento em que aproveito para ver as notícias.

5 comentários:

Sputnick disse...

Precisamos de uma Padeira de Aljubarrota :):)

Maria_S disse...

Sério??? Não quero acreditar. Dá vontade de dizer: filhos...os homens que os tenham...bolas é mesmo cortar as pernas às mulherese à maternidade em si (mas como ainda somos nós que os temos....). Bjs.

João disse...

Só posso concordar consigo, infelizmente ainda bate certo o que dizia o John Lennon : "Women are the nigger of the world".

Sandra disse...

Bem...sinto bem isso na pele...com 2 filhos, nascidos depois dos 30 a vida profissional actual não permite ter as 2 coisas em simultâneo, não ser quisermos ser mães presentes...ir buscá-los à escola, dar banho, ajudar no TPC, fazer o jantar, brincar com eles, ler uma história e pô-los a dormir. Para ter tempo para tudo isto, a vida profissional tem de acabar às 18 horas no máximo!!!!

E depois, temos os homens, e as mulheres sem filhos que podem dedicar-se ao trabalho a noite toda......

É impossível competir com isto.
A minha família está em primeiro lugar...

CF disse...

Antígona, espero que não tenhas desaparecido:):)