domingo, 6 de novembro de 2011

Da paixão


             Imagem daqui - Paixão Segundo S. Mateus de António Dulcídio

A paixão só é útil quando sentida pela vida em si,  mantém-nos vivos enquanto tal. Do particular, ela deve ser abolida - confunde o amor; estraga a criatividade e baralha o raciocínio.

5 comentários:

CF disse...

:):) Concordo :)

Anónimo disse...

Ai ai, olhe que depois vão dizer que é calculista, fria, racional

Antígona disse...

Anónimo, as pessoas dizem tantos disparates :) será só mais um... lol

gina henrique disse...

Concordo antigona mas é preciso lembrar que a paixão em determinadas idades é como o sal da vida " faz tão mal mas sabe tão bem " :)

Labirinto de Emoções disse...

A Paixão acaba sempre e por vezes mal...bom mesmo é o Amor, quando verdadeiro dura uma vida inteira.
Paixão mesmo só pela vida essa sim dura quando vivida em plenitude.

Gosto sempre de a ler..))
Beijito e bom fim de semana.