domingo, 16 de setembro de 2012

Orgulho no meu país!

Desde o primeiro 1.º de Maio, o de 1974, que eu não saía à rua. Sou uma pessoa paciente. Acredito no empenho de quem governa e gosto de pensar que se as coisas não estão tão bem quanto gostaríamos que estivessem não é por má vontade, nem por incompetência - pelo menos grave e recorrente, porque pontual todos temos o direito de a ter - mas por impossibilidade. Como o de muitos portugueses, o meu copo encheu. E transbordou. E, ontem, saí. Saímos. Todos. Ou quase todos. Espero que o governo não faça de conta que não aconteceu nada. Porque não é coisa pouca quando a paciência de gente como eu, paciente, se esgota. E somos muitos. E provámos, ontem, pelo país fora, que somos especiais. Não somos gregos, nem britânicos, nem árabes, nem franceses, nem nórdicos...Somos portugueses, orgulhosos de nós. Aqui fica o que vivi ontem. Lamento o amadorismo do video. Fiz o melhor que sei (até agora).

5 comentários:

leididi disse...

Grande vídeo, sim senhora. Estás uma croma das tecnologias :)

Antígona disse...

Obrigada :):)

Sputnick disse...

o que conta é a intenção, e a participação :)

Antonio Batalha disse...

Olá , passei pela net encontrei o seu blog e o achei muito bom, li algumas coisas folhe-ei algumas postagens, gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns, e espero que continue se esforçando para sempre fazer o seu melhor, quando encontro bons blogs sempre fico mais um pouco meu nome é: António Batalha. Como sou um homem de Deus deixo-lhe a minha bênção. E que haja muita felicidade e saude em sua vida e em toda a sua casa.
PS. Se desejar seguir o meu blog,Peregrino E Servo, fique á vontade, eu vou retribuir.

Antígona disse...

Muito obrigada António Batalha. Seja bem vindo.